quinta-feira, 18 de janeiro de 2007

Assim nasce um casaco

A Gobelin é 100% lã, portanto é feltrável. Cada novelinho tem apenas 10 gramas (!!). Nunca tricotei com ela, mas vou fazer uma amostra e feltrar para ver o quanto ela encolhe, e então elaborar a receita deste casaco.

Infelizmente acho que ela não é mais fabricada (não dá prá entender o por quê), pois não foi fácil de encontrar, e ela não consta no site da Pingouin.

De qualquer forma, onde eu encontrei esta, eles tem um estoque bem razoável, e acho que pelo menos para fazer o meu casaco vai dar.

Meu marido acha que eu só vou conseguir usar um casaco feltrado na Islândia... mas ele sabe que é só esfriar um pouquinho aqui em São Paulo...

4 comentários:

Solange disse...

Claudia,

Aqui em Brasília eu achei uma outra marca (não lembro o nome agora) que vende essa lã para tapeçaria gobelin. Cheguei a comprar uns novelos pra testar (claro que nem posso pensar em fazer um casaco - era pra uma bolsa mesmo) mas ainda não peguei neles.
Estava planejando juntar usando o 'spit splicing' - que é meio nojento, mas funciona muuuuuito bem :D

Beijocas
P.S. Acredita que ainda não deu tempo de fazer o post da letra???

Claudia disse...

Solange,
Traduz prá mim... o que é split splicing ??? ... nunca ouvi falar!

Quanto ao post da letra, eu sei que não deu tempo de voce fazer... entro no MT todo dia...rsrsrsr!!

beijo,
Cláudia

alice disse...

oi Claudia
estou passando por aqui pela 1ª vez e adorei o blog. tbm sou apaixonada por tricot e trabalhos com lã e fios em geral, estou procurando uma receita para tricotar uma peça com um fio chenille que encontrei, lindo, para minha filhota de 3 anos, mas parei aqui por li uma palavra que me ligou: feltrável. Isto significa mesmo fazer feltro, como se faz para feltrar? ando a procura disto a anos!!!
beijos

Cristiane disse...

Porque vc não usa a Paratapet? É 100% lã também, eu já feltrei, e ficou muito bom, é facil de encontrar e sai mais em conta.